Politica: STF confirma retirada de delação de Palocci de ação contra Lula

Por meio de plenário virtual, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) manteve a decisão que exclui a delação do ex-ministro Antonio Palocci da ação em que o ex-presidente Lula é acusado de receber R$ 12,5 milhões da Odebrecht.

O colegiado rejeitou um recurso apresentado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) que solicitava que o depoimento de Antonio Palocci fosse mantido no processo. Exceto o ministro Luiz Edson Fachin, todos os outros magistrados votaram pela exclusão da delação: Ricardo Lewandowski, Nunes Marques e Cármen Lúcia.

Em depoimento revelado em 2018, Palocci afirmava que as campanhas do PT de 2010 e 2014 custaram R$ 1,4 bilhão.

Fonte: Revista O Oeste/MBCnews