Esporte: Ceará fatura quase R$ 10 milhões com as vendas de Charles e Saulo Mineiro

As recentes vendas do volante Charles e do atacante Saulo Mineiro renderam ao Ceará quase R$ 10 milhões. O dinheiro, no entanto, deve ser utilizado para a compra de três novos atletas para o elenco comandado pelo técnico Guto Ferreira. A informação foi revelada pelo presidente do alvinegro, Robinson de Castro, durante coletiva realizada nesta sexta-feira (9).

A venda mais recente do clube foi a do atacante Saulo Mineiro. Comprado junto ao Volta Redonda (RJ) por cerca de R$ 900 mil, o atleta vendido a um clube do exterior por 1,5 milhão de dólares, o equivalente a 7,89 milhões de reais. O Ceará tem direito a 90% do valor (R$ 7,1 milhões) e o time carioca, 10%.

“O Saulo está negociado. O valor da operação é de 1,5 milhão de dólares. O Ceará tem 70% (dos direitos econômicos do jogador), e estamos negociando 80% – todos os nossos 70% e os 10% do Volta Redonda. Os 20% que o jogador tem, ele vai levar para o clube que o está adquirindo. Não entra nesta operação”, explicou. O nome do time que ele vai defender, no entanto, não pôde ser revelado por questões burocráticas.

O volante Charles, negociado com o FC Midtjylland, da Dinamarca, foi vendido por 900 mil euros. O Ceará vai receber a metade do valor, cerca de R$ 2,7 milhões, enquanto o restante ficará com o Internacional (RS). O presidente Robinson de Castro ainda revelou que mais 600 mil euros serão pagos pelo novo clube do volante, no primeiro semestre do próximo ano. Além disso, o vovô ainda ficou com 15% dos direitos econômicos do atleta.

“Entrou R$ 2,7 milhões. Na negociação com o Charles, ele fez a liberação de verbas de aproximadamente de R$ 300 mil. Desta forma, tivemos o retorno da aquisição dos R$ 3 milhões (valor pago pelo Ceará para comprar o atleta em 2020, do Internacional). Recuperamos o investimento. Ficamos ainda com 15% dos direitos econômicos do Charles no modelo de mais valia. Se (o Midtjylland) vender o Charles por valor superior a 900 mil euros, a gente tem mais uma participação de 15% desse valor”, disse.

Fonte :Cearanews/MBCnews
Mais detalhes em Mombacanews.com