Brasileirão 2020:Em alta após título, Ceará estreia na Série A contra o Sport

Time alvinegro espera manter o embalo do título invicto da Copa do Nordeste estreando na Série A com o pé direito, em jogo fora de casa diante de um conhecido adversário da região, mas que não vive bom momento.

Giro Esportivo Com Agnaltno Feitosa Com o Melhor do esporte.
Giro Esportivo Com Agnaltno Feitosa Com o Melhor do esporte.

Em alta após a conquista de título, invicto, da Copa do Nordeste na última terça-feira, o Ceará inicia hoje sua caminhada na Série A do Campeonato Brasileiro. O Alvinegro, que tem ambições na competição, como uma vaga na Copa Sul-Americana, estreia contra o Sport, na Ilha do Retiro, às 21 horas.

Embora seja um clássico do Nordeste, com dois clubes acostumados a se enfrentar por regionais e nacionais, a partida de hoje, em Recife, tem características que tornam o Vovô favorito.

Primeiro, pelo momento, de conquista do título da Copa do Nordeste. As sete vitórias seguidas no torneio regional, vencendo categoricamente o Bahia, em Salvador, duas vezes na final, tornam o Vovô um time confiante e cada vez mais pronto taticamente, pelas mudanças providenciais de Guto Ferreira.

Segundo, o ambiente do estádio. A Ilha do Retiro é local que historicamente faz muita pressão ao adversário, com a torcida do Sport pressionando muito. Mas por causa da pandemia do novo coronavírus, a Série A deste ano inicia-se sem público e a pressão da torcida pernambucana não existirá.

Por último, a situação do Sport. O Rubro-Negro vive um ano ruim, eliminado de todas as competições precocemente, precisando disputar o torneio do rebaixamento para evitar uma queda no Estadual.

Diante disso, o Vovô quer mesmo é aproveitar o embalo do título e estrear na Série A com o pé direito.

“Nossa equipe já deu uma amostra do que vem pela frente. Entramos no Brasileirão para brigar pela 1ª parte da tabela. Sabemos que a Série A é muito disputada. Já tivemos confrontos com times da Série A e nos saímos muito bem. Então, temos uma expectativa boa para o resto da temporada”, declara o zagueiro Klaus.
Mesmo com o elenco desgastado fisicamente devido aos jogos sucessivos pelo Estadual e Copa do Nordeste, com jogos no meio e no fim de semana desde o retorno das competições, no dia 13 de julho, o técnico Guto Ferreira deve manter a equipe que foi campeã em Salvador, mas com a volta de um titular absoluto e imprescindível para o time: o volante Charles, que estava suspenso na terça-feira, diante do Bahia.

Legenda: Guto Ferreira deve fazer modificações com o retorno de Charles e a dúvida de alguns jogadores por questão médica Foto: Felipe Santos / Ceará
Legenda: Guto Ferreira deve fazer modificações com o retorno de Charles e a dúvida de alguns jogadores por questão médica
Foto: Felipe Santos / Ceará

Mudanças

Assim, ele retorna, com William Oliveira voltando para o banco. A entrada de Charles, como o torcedor alvinegro bem sabe, dará mais qualidade na saída de bola, pela técnica apurada, e sem perder o poder de marcação, pois o volante é um dos maiores “ladrões” de bola desde quando jogava no Sport, no ano passado. A única dúvida na escalação de Guto Ferreira é a utilização de Vinícius. O meia, que deixou o gramado do Estádio Pituaçu, na última terça-feira, com dores, é dúvida, com Sóbis de sobreaviso, pois é seu substituto natural.

Ficha Técnica:

Série A do Brasileiro – 1ª rodada
Ilha do Retiro, em Recife (PE)
8 de agosto – 21 horas

Sport
Maílson, Patric, Maidana, Adryelson, Sander, Willian Farias, João Igor, Jonatan Gómez, Marquinhos, Leandro Barcia e Hernane Brocador. Técnico: Daniel Paulista

Ceará
Fernando Prass, Samuel Xavier, Klaus, Luiz Otávio, Bruno Pacheco, Charles, Fabinho, Fernando Sobral,Vinícius, Leandro Carvalho e Cléber. Técnico: Guto Ferreira

Árbitra: Edina Alves Batista – SP