União debita quase R$ 300 mil do Fundeb da Prefeitura de Aiuaba por causa de pagamento indevido feito em 2016

O prefeito de Aiuaba, Ramilson Moraes foi surpreendido com a informação repassada pelo setor de finanças do município de um desconto no valor de quase R$ 300 mil reais, no repasse da conta do Fundeb feito na última segunda-feira, 10, quando da liberação da primeira parcela do FPM.

Foi debitado da conta o valor de R$ 278.308,13, comprometendo toda a programação de pagamentos dos compromissos da gestão com o setor educacional do município. Diante dessa situação inesperada, o prefeito acionou a Procuradoria Geral do Município para fazer um levantamento do ocorrido e apresentar um parecer jurídico indicando as providências a serem adotadas nas esferas, administrativa e judicial.

Segundo o extrato da conta do Fundeb da Prefeitura, o dinheiro foi descontado devido a realização de pagamentos indevidos feitos pela gestão anterior do município no ano de 2016.

Para comprovar a informação, a gestão municipal disponibilizou o extrato da conta bancária emitido nesta terça-feira, 11 de julho