TJCE devolve mandato ao presidente da Câmara de Maranguape

O desembargador Fernando Ximenes do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) determinou, nessa terça-feira (24), o retorno de Kássio Rogaciano (PCdoB) às funções de vereador e presidente da Câmara de Maranguape, além da restrição do bloqueio de bens à quantia de R$ 1.725,25.

Kássio foi afastado do cargo após ser flagrado usando carro oficial da Câmara em viagem particular pelas praias do Rio Grande do Norte.

A farra com dinheiro público, gravada em vídeo, teve repercussão nacional

Na segunda-feira (23), a Câmara de Maranguape votou a favor do afastamento definitivo de Rogaciano da Presidência, mas Assessoria Jurídica da Casa, usando o regimento interno e contando com o apoio do prefeito João Xerez (PHS), conseguiu adiar a decisão para amanhã.

Cearanws/Mombacanews