Quixadá : Mulher é vítima de estupro na noite de domingo no centro .

Mulher é vitima de Estupro

O estupro é um ato inaceitável, uma violência brutal. O 12º Anuário Brasileiro de Segurança Pública revelou que o número de estupros cresceu no País em 2017. Foram 60.018 casos registrados no ano passado, um aumento de 8,4% em relação a 2016.

Em Quixadá os casos de estupro, infelizmente, são cada vez mais constantes. Na noite deste domingo (23) mais uma mulher – que teve sua identidade preservada – foi vítima desse tipo de crime no município.

De acordo com informações da Polícia Militar, por volta das 22:40 horas na rua Pascoal Crispino, no centro da cidade, perto do “Bar da Pedra”, um indivíduo de característica físicas magro e moreno, trajando um short jeans, estuprou a vítima em meio a uma bebedeira.

Policiais da VTR 9381 compareceram no local e, de posse das informações, realizaram diligências no sentido de identificar e prender o autor do crime, contudo sem êxito até o momento. A vítima foi conduzida para a delegacia regional para registrar o fato.

O que deve fazer a vítima de estupro?

Chame a polícia ou vá até uma delegacia, imediatamente. Será feito um Boletim de Ocorrência e a vítima será encaminhada, em seguida, a um hospital para realizar exames e receber medicamentos para prevenir doenças sexualmente transmissíveis, além de receber a pílula do dia seguinte para evitar gravidez. Além disso, é importante guardar as roupas usadas no momento do crime para coleta de provas.

Lembrando que a vontade da vítima deve ser sempre respeitada uma vez que muitas mulheres, fragilizadas com a situação, decidem esperar algum tempo até procurarem as autoridades ou até mesmo para dividirem o que aconteceu com outra pessoa. Por essa razão, é bastante importante nunca culpar a vítima pelo crime cometido contra ela. A culpa jamais será da vítima e pressão de amigos e familiares indagando sobre a roupa, comportamento, postura, circunstâncias corroboram para os altos índices de suicídio entre vítimas de estupro.

Monolitos Post