Prefeitura de Tauá fecha escolas no distrito de Marrecas e população protesta no Lejislativo Municipal

O anúncio do fechamento de duas escolas no distrito de Marrecas, zona rural de Tauá, provocou revolta e protesto dos pais dos alunos na sessão da Câmara Municipal realizada na noite desta terça-feira, 24.

O assunto foi divulgado pelas emissoras de rádio da cidade que receberam inúmeras mensagens das comunidades de Belo Alto e Riacho dos Cavalos, cujas escolas estão sendo desativadas.

A equipe da Secretaria de Educação se reuniu na manhã de ontem(24/10), com os pais de alunos matriculados na Escola Cosmo Pereira dos Santos, na localidade de Belo Alto, quando foram comunicados do fechamento da escola e o remanejamento das crianças de 4 a 7 anos de idade para a Escola Francisco Bernardo de Oliveira, na localidade de Missão.

A comunidade ainda tentou dialogar solicitando que a Secretaria adiasse a decisão para o próximo ano tendo em vista que o ano letivo de 2017 estava no final e que a mudança traria dificuldades de adaptação para as crianças, no entanto, a argumentação dos pais não foi acatada pela Secretaria de Educação.

No final da manhã, os pais de alunos da localidade de Riacho dos Cavalos, também foram comunicados sobre o fechamento da escola e a transferência dos alunos para a Escola da Vila Joaquim Moreira.
Mombacanews.