Pipeiros de Tauá enviam pedido ao Dep. Domingos Neto sobre problemas na Operação Pipa

 

Pipeiros de Tauá entraram em contato com o Dep. Federal Domingos Neto, PSD, nesta segunda-feira, 25, pedindo ajuda para identificar porque o município de Tauá não está sendo incluído na Operação Carro Pipa, gerenciada pelo 40 BI do Exército, situado no município de Crateús.

De acordo com o documento repassado ao parlamentar, em 2018, já se passaram dois ciclos(de 3 meses cada) que as comunidades não estão recebendo a água transportada pelos carros pipas.

Os pipeiros também disseram que já procuraram a Coordenadoria Municipal de Defesa Civil de Tauá em busca de informações.

Resposta do Ministério da Integração

Após receber a reivindicação dos pipeiros, o Dep. Domingos Neto entrou em contato com o Ministério da Integração Nacional e foi informado pelo Major Washington, um dos responsáveis pela Operação Carro Pipa, que hoje, para o Ministério, o município encontra-se em “seca leve” e para mudar esta situação, a Prefeitura precisa responder ao questionamento que foi enviado no último dia 19 de junho, juntar um parecer de um órgão que disponibilize os índices pluviométricos registrados nesse ano.

O líder do PSD na Câmara Federal foi informado pelo Ministério da Integração que somente após o envio das informações por parte do município é que poderá ser solicitada a alteração para liberar novamente o funcionamento dos carros pipas em Tauá.

Nos municípios de Parambu, Catarina, Assaré e Salitre, os pipeiros já foram autorizados a retomarem o abastecimento de água das comunidades.

FONTE: BOLG wILRISMAR