Pedra Branca: Após onda de boatos Polícia dá resposta à população com ações ostensivas

Operação poliical em pedra baranca

Polícia Civil, Polícia Militar e Guarda Municipal de Pedra Branca estão apertando o cerco contra o crime após boatos.

Os órgãos de segurança intensificaram as ações ostensivas em Pedra Branca logo após uma onda de boatos divulgados nas redes sociais, principalmente no Whats App, ordenando os comerciantes da cidade a fecharem seus estabelecimentos. Nas falsas mensagens o descumprimento acarretaria no incêndio do comércio. Receosos, com as ameaças compartilhadas e autorizadas pelos administradores desses grupos virtuais, muitos atenderam a “ordem”.

A resposta da Polícia Civil, da Polícia Militar e da Guarda Municipal foi imediata. As viaturas passaram a circular mais nas ruas. As rondas e abordagens se intensificaram.

Além de tranquilizar a população, de acordo com o delegado Thiago Salgado, à frente da Delegacia da Polícia Civil neste Município, o apoio da população, através de informações anônimas, é muito importante em momentos onde os criminosos tentam implantar o terror utilizando as redes sociais. Ele também lamenta a postura de quem se aproveita da situação simplesmente para tentar chamar a atenção nos grupos e alerta que essa postura é crime, previsto em lei.

Mesmo assim as instituições de segurança continuam alerta. A resposta está sendo dada nas ruas e nas constantes prisões através do trabalho integrado nas três polícias. Nada está sendo dispensado e o trabalho contra o tráfico continua. O último deles foi a apreensão de um adolescente de 17 anos. Ele foi flagrado com vários invólucros de cocaína e de maconha. Estava vendendo as drogas no Residencial Chico Leandro.

Com informações Diário Sertão Central