Manzotti some para não explicar venda de apoio de católicos para Jair Bolsonaro

O padre Reginaldo Manzotti, que foi gravado em reunião pedindo dinheiro do Governo Bolsonaro para poder apoiar o presidente, sumiu do mapa para não dar explicação.

A repercussão negativa dessa barganha foi enorme na Igreja Católica, com muitas críticas da CNBB e até do Vaticano.

A TV católica Pai Eterno desautorizou o padre que tratou de verbas publicitárias com presidente Bolsonaro em troca de adesão — a informação é do jornal o Estado de S. Paulo de hoje (9).

fonte;Ceara News7