Ceará e XP Investimentos não avançam em contato para migração para SAF e venda do clube

O Ceará Sporting Club não demonstrou interesse em um contato inicial da XP Investimentos, corretora de valores, para a transformação do clube alvinegro em uma Sociedade Anônima de Futebol (SAF). O mecanismo é o mesmo adotado por Cruzeiro, Vasco e Botafogo para a venda de ações da equipe no mercado.

O Diário do Nordeste apurou que a oferta tinha como foco a sequência de 2022. Apesar de um caminho adotado por diversas gestões, o Vovô não tem interesse em entrar no modelo no momento.

As conversas são sigilosas, mas consistem em um cenário de mudança estatutária do time. Hoje, o Ceará é uma “Associação Sem Fins Lucrativos”, ou seja, não pode gerar receita para um proprietário. Com a migração para a SAF, a instituição poderia ser adquirida por um interessado.

Nos movimentos recentes, vale ressaltar, a parte implementada na SAF é somente a do futebol, enquanto o clube social permanece como um modelo de associação. Assim, a XP Investimentos atua como intermediador da negociação e responsável por captar o comprador, como fez no caso Cruzeiro

Fonte: Diario do nordeste
MBCnews é mais informaçõa